terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Não sou um pastor bacana!

Amados irmãos e amigos, não tenho dom de palestrante motivacional, não fui chamado por Deus para juntar e ganhar multidões. Não sei fazer isso! Fui chamado para pregar o Evangelho de Jesus Cristo, sem mistura de auto-ajuda, sem mistura de filosofias e vãs sutilezas. Não sou um pastor bacana, mas luto para ser fiel a Jesus e ser encontrado fiel por Ele. Minha vida tem sido uma pregar o evangelho, a minha alma vive batalhas diárias contra a carne, contra o diabo, contra as tendências e ondas evangélicas que abrem mão de princípios divinos para satisfazer vontades humanas e juntar multidões. Me perdoe se não sou o pastor que te agrada, mas foi esse que Deus chamou para pregar a Sua Palavra. Ainda que eu ame e tenha o dever de amar a todas as pessoas, eu só posso pastorear quem quer ser pastoreado. É uma escolha pessoal. Hoje eu fiz uma oração pedindo a Deus para ser totalmente cheio do Espírito Santo, é minha busca diária! Sou falho, sou um pecador que foi achado pela graça maravilhosa de Deus e que, mesmo nascendo num lar cristão, numa família pastoral, eu precisei me converter, precisei dizer a Deus que era pecador e Ele me salvou da minha miséria e me deu um novo nome que está escrito no livro da vida. Hoje eu sou filho Dele, chamado para ser santo, chamado para pregar e fazer discípulos de Jesus!  Sou apenas um servo, que transmite A Palavra de Deus, que não é minha, para a Igreja que não é minha, através do Espírito Santo, que habita em mim, num corpo que não é mais meu! Mas EU NÃO SOU APRESENTADOR OU PALESTRANTE MOTIVACIONAL. Não é este o meu chamado! 


Em Cristo,
Filipe A. Espindola