sexta-feira, 30 de junho de 2017

A soberba e o contentamento!

Texto chave:para memorizar: Tendo sustento e com que nos vestir, estejamos contentes. 1 Timóteo 6:8
Introdução:
Quando Lúcifer desejou ser maior ou igual a Deus e o seu coração se ensoberbeceu, perdeu tudo o que tinha e ainda foi expulso da presença de Deus. Porque? Não se contentou com aquilo que o Criador havia lhe dado, se ensoberbeceu e a rebeldia entrou em seu coração. Assim como Lúcifer, um coração soberbo nunca se contenta, e portanto, tem dificuldade em agradecer, pois quer sempre mais.

Padrões bíblicos de contentamento!

Todos nós podemos crescer, desenvolver e até enriquecer economicamente falando. Mas Jesus nos chama a uma tomada de decisão. Ou amamos a Deus, ou às riquezas (Mateus 6:24). E quando decidimos amar a Deus, decidimos amar a Jesus. E se amamos a Jesus, devemos obedecer aos seus mandamentos. E o que dizem os seus mandamentos sobre o contentamento e como ele está ligado diretamente à soberba? A soberba impede o contentamento, e por isso, precisamos sujeitar-nos a Cristo, uns aos outros e fazer morrer esta terrível natureza humana, deixando o Espírito Santo fazer novas todas as coisas na sua vida.

Veja os seguintes textos:

Filipenses 4:4-7 – “Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo: alegrai-vos. Seja a vossa moderação conhecida de todos os homens. Perto está o Senhor. Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus.”

Filipenses 4:11“Digo isto, não por causa da pobreza, porque aprendi a viver contente em toda e qualquer situação.” Paulo nos ensina que devemos estar contentes, na riqueza, mas também, na pobreza, em tempos de crise, ou em tempos de prosperidade. Os padrões de contentamento do mundo em que vivemos, seguem a raiz da soberba: vaidade, ostentação, exagero, amor próprio exagerado e egoísmo!

Salmos 33:18-22 - Eis que os olhos do SENHOR estão sobre os que o temem, sobre os que esperam na sua misericórdia, para livrar-lhes a alma da morte, e, no tempo da fome, conservar-lhes a vida. Nossa alma espera no SENHOR, nosso auxílio e escudo. Nele, o nosso coração se alegra, pois confiamos no seu santo nome. Seja sobre nós, SENHOR, a tua misericórdia, como de ti esperamos.

Salmos 34:6-10 - Clamou este aflito, e o SENHOR o ouviu e o livrou de todas as suas tribulações. O anjo do SENHOR acampa-se ao redor dos que o temem e os livra. Oh! Provai e vede que o SENHOR é bom; bem-aventurado o homem que nele se refugia. Temei o SENHOR, vós os seus santos, pois nada falta aos que o temem. Os leõezinhos sofrem necessidade e passam fome, porém aos que buscam o SENHOR bem nenhum lhes faltará.

Salmos 37:3-7 - Confia no SENHOR e faze o bem; habita na terra e alimenta-te da verdade. Agrada-te do SENHOR, e ele satisfará os desejos do teu coração. Entrega o teu caminho ao SENHOR, confia nele, e o mais ele fará. Fará sobressair a tua justiça como a luz e o teu direito, como o sol ao meio-dia. Descansa no SENHOR e espera nele.

Salmos 37:16-19 - Mais vale o pouco do justo que a abundância de muitos ímpios. Pois os braços dos ímpios serão quebrados, mas os justos, o SENHOR os sustém. O  SENHOR conhece os dias dos íntegros; a herança deles permanecerá para sempre. Não serão envergonhados nos dias do mal e nos dias da fome se fartarão.

Salmos 39:6-7 -  “Com efeito, passa o homem como uma sombra; em vão se inquieta; amontoa tesouros e não sabe quem os levará. E eu, Senhor, que espero? Tu és a minha esperança.”

Salmos 46:1 – “Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente nas tribulações.”

Salmos 49:5“Por que hei de eu temer nos dias da tribulação, quando me salteia a iniquidade dos que me perseguem, dos que confiam nos seus bens e na sua muita riqueza se gloriam? ” Muitas empresas têm enriquecido às custas de trabalho escravo. Preços exagerados, impostos absurdos, salários reduzidos, corrupção...O que está por trás é a ganância. Muitas pessoas não têm empresas, mas deixaram o mesmo espírito de ganância tomar lugar no seu coração e preferir confiar no poder do dinheiro a confiar o seu sustento e a sua vida inteiramente a Deus.



O QUE PODEMOS FAZER...

·         Viva o padrão bíblico de contentamento. O padrão bíblico de contentamento nos leva a afastar a ansiedade e evitar a depressão. Controle seu contentamento, controle sua alma crucificando diariamente o seu ego! Decida ser agradecido e ter uma vida contente com toda e qualquer situação. Se forem prósperos os teus dias, agradeça. Veja o quanto Deus já te abençoou.
·         Viva para servir a Deus e não o contrário. Muitos usam Deus para atingir os seus objetivos e realizar seus sonhos, mas quando são chamados para servir, sempre dão uma desculpa, sempre tem um compromisso.
·         Seja moderado e equilibrado em todas as coisas: No modo de viver, de falar, de comer, de trabalhar, de agir, de estudar. O governo de Deus deve agir em todo o seu ser.

·         Estabeleça a sua alegria e prazer no Senhor. Assim, estará contente em todo o tempo.